terça-feira, 30 de junho de 2015

Os Seres Nariz

Os Seres Nariz (link)
por Flávio Schmidlin
Brasil, 2015

OS SERES NARIZ

Este é um jogo inspirado no Mito da Caverna de Platão, para pelo menos 5 jogadores, a ser realizado numa casa ou num apartamento. Os personagens são todos seres nariz, criaturas que não são capazes de enxergar, mas que tem um olfato apurado, e tem a particularidade de só falarem frases de no máximo quatro palavras. O jogo é para ser realizado em uma casa ou apartamento. Um local com câmaras e corredores. A preparação para o jogo consiste em espalhar perfumes pelo local de jogo para criar uma identidade das coisas através do cheiro. Será necessário um despertador que possa tocar músicas.


O jogo começa quando todos estão devidamente vendados e dizem “3… 2… 1… Jogando!” ou algo similar. Durante a primeira hora, os jogadores devem se acostumar com sua condição de seres nariz, e formar as hierarquias da sua sociedade, à partir do Acordo do Sim. O Acordo do Sim é o combinado de aceitar as coisas que os outros jogadores dizem como verdadeiras no universo de jogo.

Após uma hora, o despertador toca na porta da casa. Os seres nariz que passarem pela porta tiram suas vendas, e são agora capazes de enxergar. Eles devem então voltar para a área de jogo, com sua nova capacidade. O primeiro a passar pela porta também deve desativar o despertador. O jogo então correrá por mais uma hora, girando em torno da questão dos que são capazes de ver.

O jogo termina quando um segundo despertador tocar no ambiente de jogo ao final desta segunda hora de jogo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário